Segunda-feira, 10.10.11

acreditava que existiam amizades verdadeiras e eternas, daqueles que poderiam durar a vida toda, sempre juntas, até a velhice. Acreditava que a amizade era saber perdoar e respeitar as escolhas dos amigos, mesmo quando consideramos que aquela não é a melhor escolha. Acreditava que a amizade era saber estar presente, apesar das falhas e dos erros do passado. Acreditava que a amizade era estar com alguém porque gostamos da companhia e não porque não temos mais ninguém com quem estar. Acreditava que a amizade era ajudar a ultrapassar as mágoas e as dores que a vida nos provoca. Acreditava numa amizade que superava tudo, numa amizade que estaria presente nos bons e maus momentos.

Afinal, enganei-me, a amizade não supera tudo. Não existem amizades verdadeiras e eternas. Não existem amizades para a vida...



publicado por a menina das bolhas de sabão às 12:25 | link do post | comentar | ver comentários (1) | partilhar

mais sobre mim
Email
ameninadasbolhasdesabao@sapo.pt
posts recentes

Eu,

comentários recentes
Olá,Por agora, estou a fazer formação. Temos uma s...
Olá Nunca fiz voluntariado com crianças pequenas,...
Olá!!! Tenho uma certa pena de dizer isto, mas tam...
Já viste o chata que seria a vida sem estas pequen...
Outubro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
14
15

16
17
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

31


arquivos

Outubro 2011

Posts mais comentados
1 comentário
tags

adopção

amizade

amor

aniversário

arrepender

azar

b.

blogue

calor

crianças

desejar

desilução

devolução

eu

família

início

inspira-me

sonhar

vida

voluntariado

todas as tags

RSS